Bar Jobi; lembranças de um ícone do Baixo Leblon I RIO GASTRONOMIA

Com o nome emprestado do condomínio que o abriga, o Jobi abriu as portas em 1956, cercado pelos muitos canteiros de obras de um Leblon em construção. O boteco, no início, era movimentado pelo preparo de PFs para os operários das redondezas. A partir dos anos 60 do século passado, o perfil (da casa e do bairro) começou a mudar. Parte dessa trajetória é lembrada por Manuel Rocha, sócio do irmão Narciso e filho do fundador Adelino, em depoimento para novo episódio da série Sabor de história, produzida para o Rio Gastronomia 10 anos. A família portuguesa com certeza conquistou freguesia fiel com cardápio de petiscos da terrinha, a exemplo do bolinho de bacalhau e do polvo ao vinagrete feito com especiarias que só se encontram por lá. Tudo isso regado a chope, muito chope, o combustível da casa que tornou-se um dos ícones da boemia no Baixo Leblon.

ASSINE O GLOBO: http://assineoglobo.globo.com/
INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2BQvqB4

O SITE: https://www.oglobo.globo.com
OS PODCASTS: https://oglobo.globo.com/podcast/
O FACEBOOK: https://www.facebook.com/jornaloglobo
O TWITTER: https://twitter.com/jornaloglobo
O INSTAGRAM: https://www.instagram.com/jornaloglobo/
AS NEWSLETTERS: https://oglobo.globo.com/newsletter/cardapio/

You May Also Like