Economia marinha será tema de Conferência da ONU

3 bilhões de pessoas dependem diretamente da biodiversidade marinha para sobreviver. A estimativa é de que gerará, até 2030, cerca de 15 trilhões de reais através dessa economia, segundo a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico.

A degradação dos manguezais, a sobrepesca, poluição e mudanças climáticas são as maiores ameaças. Garantir o equilíbrio entre preservação e as atividades econômicas depende de uma produção sustentável e conservação das espécies.

#JTCultura #JornaldaTarde

You May Also Like