Em Quichotte, que acaba de ser lançado no Brasil, Salman Rushdie trata de literatura e racismo

Em entrevista ao Globo, escritor Salman Rushdie comenta livro inspirado na obra de Cervantes, uma sátira da sociedade americana – autor também fala sobre almoço com Elon Musk, tempos distópicos, disseminação de fakes nas redes sociais, ciência, liberdade de expressão, cultura do cancelamento e o direito de ofender.

 

You May Also Like