Nesta terça, CPI ouve coronel apontado como ‘ponte’ entre Davati e Ministério da Saúde

Ministra Cármen Lúcia, do STF, concedeu a Helcio Bruno de Almeida o direito de permanecer em silêncio em perguntas que possam incriminá-lo, para não produzir provas contra si. #JTCultura #JornaldaTarde

You May Also Like