Palestinos cruzaram os braços e se uniram em uma greve geral contra os bombardeios na faixa de Gaza

Palestinos cruzaram os braços e se uniram em uma greve geral contra os bombardeios na faixa de Gaza.

Lojas fechadas na cidade velha, em Jerusalém; ruas desertas nas áreas árabes de Israel, na Cisjordânia e em Gaza.
Em um momento de rara união, milhares de cidadãos palestinos não foram trabalhar, em protesto contra a ofensiva militar israelense na faixa de Gaza e o despejo iminente de famílias de Jerusalém oriental.

Acompanhe nossa página de Notícias – Mundo de Notícias

You May Also Like