Terra Yanomami está há cinco meses sem fiscalização de Governo Bolsonaro, afirma Associação

Desde dezembro do ano passado, o governo não executa nenhuma ação de proteção nas terras indígenas, segundo a Associação Nacional dos Servidores Ambientais.

O Superior Tribunal Federal havia determinado que as ações de proteção deveriam ser intensificadas na área, mas a Associação afirma que ainda está havendo perseguição e assédio aos servidores que atuam na fiscalização ambiental.

Segundo relatório da Hutukara Associação Yanomami, a falta de fiscalização permitiu o aumento em 46% do garimpo ilegal na área em comparação com o ano de 2020.

#JTCultura #JornaldaTarde

You May Also Like